Com aprovação da Câmara de Guarabira, prefeitura cede prédio público a OPAM

A Câmara Municipal de Guarabira deu um importante apoio para a resolução da falta de espaço físico enfrentado pela OPAM (Organização de Proteção Animal Miguelzinho). A instituição que presta voluntariamente serviços na causa animal no município ficaria sem uma sede nos próximos dias.

Na última terça-feira (17), a casa aprovou o Projeto de Lei Nº 16/2022, enviado pela prefeitura municipal, que cede uma escola não utilizada no Sítio Quati para a instalação da OPAM. Os parlamentares discutiram o tema e ressaltaram a necessidade da medida ser agilizada, sendo as duas votações necessárias para a aprovação realizadas no mesmo dia.

O vereador Junior Ferreira, um dos defensores do projeto, destacou o trabalho feito pela ONG no município, afirmando que outros investimentos na área devem ser feitos. O parlamentar citou o castramóvel, que já se encontra em Guarabira e deve começar a ser utilizado nas próximas semanas.

Nesta quinta-feira (19), a prefeitura de Guarabira, através do prefeito Marcus Diogo, confirmou com a assinatura o termo de cessão do prédio a instituição. Agora a OPAM pode utilizar a área até que sua sede própria seja construída.

Ascom – Câmara Municipal de Guarabira

Sessão ao-vivo

Skip to content